terça-feira, 15 de outubro de 2013

Acho lindo e agradeço a cada um que lembrou do dia do professor.
No entanto gostaria que além de um carinho sincero de nossos alunos e daqueles que um dia passaram por nós e reconhecem nosso trabalho,eu queria no dia de hoje além desse carinho fazer uma reflexão:o que de concreto a sociedade tem feito para a valorização dessa profissão?Quando digo valorizar é no sentido denotativo,real.Quantos pais tem ido à escola para auxiliar na educação de seus filhos que chegam até nós sem respeito algum,e as leis que nos impedem de cobrar um pouco mais desses alunos,de ensinar mais,pois chegam no ensino médio sem compreender o que leiam,isso quando lê alguma coisa.E nossos governantes que fazem discursos defendendo a educação e quando chega a hora de colocar em prática tudo o que prometeu,inventam leis aumentando nossa hora na escola,sacrificando nosso sábado em reuniões,e esquecendo que a escola é o nosso trabalho,que deve ser bem feito com amor,mas que também temos outros afazeres e que precisamos também de lazer,de descanso.
A escola se tornou um local de tudo.
Temos alunos sem estrutura familiar que vê no professor e nos profissionais da educação um psicólogo e nós não fomos preparados para isso.
Ser professor hoje é por muitos motivo de preconceito,pois há aqueles que fazem desta honrosa profissão,um desastre,pois faltou preparo.
Nossas faculdades precisam rever seus conceitos em relação aos cursos que visam preparar nossos professores.
Nós,professores devemos acompanhar as mudanças,aperfeiçoando cada dia mais,lendo,estudando e não sendo apenas um"dador" de aulas.
Acredito que faço minha parte,questiono,luto por dignidade,mas independente de quanto ganho,sempre busco dar o melhor de mim.
Como qualquer trabalhadora,deixo filhos em casa para levar o pão e então como qualquer um acredito que em nossas mãos passa o presente e o futuro de nosso país,mas sobretudo é preciso que aproveitemos esse dia e pedir a cada um que olhe com carinho os governantes e os candidatos que aparecerão,será que realmente a educação é prioridade?
Não adianta mandar uma lousa digita e colocar um "tablet"l
nossas mãos.
Precisamos é de que nos ouçam,pois ditar normas de um gabinete é muito fácil,é preciso ouvir cada um e procurar atender de verdade nossas vozes que vão além de salários.Precisamos é de profissionais que capacitados nos ajudarão a ajudar nossos alunos que além de todos os problemas,precisam continuar na escola para estudar e aprender a construir um mundo melhor e que nós PROFESSORES,possamos nos entregar de verdade na formação desses alunos,mas sem fazer milagres,sem ser sacerdote,psicólogo e outros profissionais, pois nossa função é de ensinar disso não podemos fugir.

Nenhum comentário:

Postar um comentário