terça-feira, 23 de dezembro de 2014

Ele sempre buscava por aquele rosto
Algo o fascinava
Ninguém poderia saber
seu sossego acabava quando ela aparecia
Ela o entendia
ria com ele
Aceitava suas piadas
e a ele confidenciava tudo,ou quase tudo,pois mulher sempre deixa algo para a surpresa final.
Nunca se viram pessoalmente
Mas há algo diferente
Amor virtual?
Será que existe?
Ela não sabe de nada dele
Só sabe que ele é um macho assumido
Um homem respeitador
E entre o macho e o homem ela aparece
sem ser santa
sem ser diabinha
Está ali
Um distância e uma proximidade
Distância física mesmo
mais de 1800 km de separação
proximidade,pois há uma divertida relação e diferente modo de ver e viver a vida
E assim fica o questionamento:
O virtual pode ser real?
Ele acredita que sim,mas tem medo
de que alguém o invada e descubra seu segredo
no entanto ele transmite alegria e para ela isso é o mais importante.
Quer real ou virtual,alegria sempre,para o seu  rei.
Amor é sempre amor.

Nenhum comentário:

Postar um comentário