quinta-feira, 25 de setembro de 2014

Osmar Ramiro dos Santos(vive dentro de cada um que o ama)
Quando alguém faz a passagem de sua vida vivida entre nós é normal sentirmos
uma dor ,mas o que se deve ficar são as lembranças boas,que com o tempo se transformam em saudade gostosa.
Meu cunhado se foi,hoje ele se encontra na luz;
Nós precisamos entender com os olhos da fé,que ele vive em outra dimensão.
Sua passagem para o plano espiritual deixou muita gente abalada.
Sua família de sangue e a nossa por adoção,seus amigos,toda uma cidade lamenta sua partida.
Creio que ele está muito bem.Seu sorriso nos mostrava o quanto ele valorizava a vida e os seus.
Estou postando algumas fotos,pois com o tempo eu colocarei mais.
É uma simples homenagem de uma cunhada que aprendeu com Osmar o valor de ser simples,do trabalho e do sorriso.

Mamãe era a sogra preferida,segundo ele
                                 Mostrando com orgulho sua barriga





                                              Com seu filho de coração
                                            Sempre me chamou de Madalena

                                                 Adorava pescar
                                           Sempre gostou de um joguinho




                                         Uma das poucas fotos em que ele estava sem sorrir,esboçando sua alegria em viver.

Um comentário: